Visit.uc.pt is the site of the day on Awwwards!
Visit.uc.pt is the site of the day on CSS Design Awards!

VISIT Universidade de Coimbra

Universidade de Coimbra

A Universidade mais antiga de Portugal e uma das mais antigas do mundo.

Saber Mais

Desde 1290

Conheça a História

História

Ao assinar o "Scientiae thesaurus mirabilis", D. Dinis criava a Universidade mais antiga de Portugal e uma das mais antigas do mundo.

Datado de 1290, o documento dá origem ao Estudo Geral, que é reconhecido no mesmo ano pelo papa Nicolau IV. Um século depois do nascimento da nação, germinava a Universidade de Coimbra. Começa a funcionar em Lisboa e em 1308 é transferida para Coimbra, alternando entre as duas cidades até 1537, quando se instala definitivamente na cidade do Mondego.

Inicialmente confinada ao Palácio Real, a Universidade espraiou-se por Coimbra, modificando-lhe a paisagem, tornando-a na cidade universitária, alargada com a criação do Pólo II, dedicado às engenharias e tecnologias, e de um terceiro Pólo, devotado às ciências da vida.

Estudar na Universidade de Coimbra é dar continuidade à história da matriz intelectual do país, que formou as mais destacadas personalidades da cultura, da ciência e da política nacional.

Com mais de sete séculos, a Universidade de Coimbra conta com um património material e imaterial único, peça fundamental na história da cultura científica europeia e mundial. Um património que a UC candidatou a Património Mundial da UNESCO.

XIII a XVI

  •  

    1290

    Criação do Estudo Geral Português, com a assinatura do documento "Scientiae thesaurus mirabilis", por D. Dinis (1 de Março), confirmado pela bula "De statu regni Portugaliae" do papa Nicolau IV (9 de Agosto), com as Faculdades de Artes, Direito Canónico (Cânones), Direito Civil (Leis) e Medicina. A Universidade começa a funcionar em Lisboa.

  •  

    1308

    O Estudo Geral passa para Coimbra; regressa a Lisboa em 1338 e a Coimbra em 1354; volta a Lisboa em 1377 e é definitivamente instalado em Coimbra em 1537.

  •  

    1309

    O Estudo Geral recebe os seus primeiros Estatutos, com o nome "Charta magna privilegiorum".

  •  

    1380

    Teologia, antes reservada aos conventos dominicanos e franciscanos, passa a fazer parte do ensino universitário português.

  •  

    1537

    A Universidade é instalada definitivamente em Coimbra. Assunção de Coimbra como a cidade universitária portuguesa e início da instalação de numerosos colégios na cidade.

  •  

    1544

    Todas as Faculdades da Universidade de Coimbra se reúnem no Pateo das Escolas.

  •  

    1597

    Aquisição do Paço da Alcáçova a Dom Filipe I, por 30 mil cruzados, o qual passou imediatamente a designar-se Paço das Escolas.

XVII a XIX

  •  

    1772

    A Universidade recebe os "Estatutos Pombalinos", os quais, entre outros aspectos, criam as Faculdades de Matemática e de Filosofia Natural (Ciências) e reformam os estudos da Medicina. Da reforma do ensino preconizada por estes estatutos resulta a necessidade de novos estabelecimentos científicos, originando a construção de novos edifícios destinados ao Laboratório Químico, ao Observatório Astronómico e à Imprensa da Universidade e instalação do núcleo inicial do Jardim Botânico.

  •  

    1773

    Início da formação do Museu de História Natural, o mais antigo museu português, subdividido em setores em 1885, de que resultou a constituição de quatro instituições: Zoologia, Botânica, Mineralogia e Geologia, e Antropologia. Início do funcionamento do Gabinete de Física Experimental.

  •  

    1836

    São fundidas as Faculdades de Leis e Cânones na nova Faculdade de Direito.

XX e XXI

  •  

    1911

    "Estatutos Republicanos". Extinção da Faculdade de Teologia, com a criação da Faculdade de Letras, a qual acolhe os lentes da primeira. Conjunção das antigas Faculdades de Matemática e de Filosofia Natural para dar lugar à Faculdade de Ciências.

  •  

    1921

    Fundação da Faculdade de Farmácia.

  •  

    1948

    Renovação da Alta Universitária de Coimbra: Inauguração do edifício do Arquivo da Universidade.

  •  

    1951

    Renovação da Alta Universitária de Coimbra: Inauguração do edifício da Faculdade de Letras e Observatório Astronómico.

  •  

    1956

    Renovação da Alta Universitária de Coimbra: Inauguração do edifício da Biblioteca Geral e Edifício da Faculdade de Medicina.

  •  

    1961

    Inauguração do complexo do Estádio Universitário, na margem esquerda do Mondego.

  •  

    1969

    Renovação da Alta Universitária de Coimbra: Inauguração do edifício destinado à Secção de Matemática. Crise académica de 1969.

  •  

    1972

    Transformação da Faculdade de Ciências na Faculdade de Ciências e Tecnologia. Criação da Faculdade de Economia.

  •  

    1975

    Renovação da Alta Universitária de Coimbra: Inauguração do edifício dos Departamentos de Física e de Química.

  •  

    1980

    Criação da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação.

  •  

    1987

    Transferência dos Hospitais da Universidade para as suas novas instalações, junto ao futuro Pólo das Ciências da Saúde.

  •  

    1992

    Início das obras conducentes à instalação do Pólo II da Universidade de Coimbra.

  •  

    1997

    Criação da Faculdade de Ciências do Desporto e Educação Física.

  •  

    2001

    Primeiras obras no Pólo das Ciências da Saúde da Universidade de Coimbra, para onde se transferiram a Faculdade de Medicina e a Faculdade de Farmácia, bem como vários centros e unidades de investigação.

  •  

    2008

    Publicação dos novos Estatutos da Universidade de Coimbra.

  •  

    2010

    A Universidade de Coimbra entrega candidatura a Património Mundial da UNESCO.

XXI >

Ficha Técnica

Gestão de Projeto

InterFranchising

Design & Development

Bürocratik

Conteúdos Multimédia

Ez-Team

Fonte

Adaptado de:

de Faria Costa, J. F., & da Cruz Coelho, M. H. (2009).
A Universidade de Coimbra Tangivel e Intangivel.
Imprensa da Universidade de Coimbra.

Maia do Amaral, A. E. (2009).
Tesouros da Biblioteca Geral da Universidade de Coimbra.
Imprensa da Universidade de Coimbra.

Pimentel, A. F., & Agostinho, R. (2006).
A Universidade de Coimbra: Uma visita a partir Páteo.
GCI-UC.

Torgal, L. R. (2003).
A Universidade de Coimbra.
Imprensa da Universidade de Coimbra.